quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares

Mutantes, monstros, portais do tempo, guerra, espionagem, romance. Apenas alguns ingredientes que compõem a trama de O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares.
Eleito uma das 100 mais importantes obras da literatura jovem de todo os tempos, o livro mistura ficção com fotografias impressionantes, que creditam à narrativa um sugestivo toque de mistério.
Aclamado pela crítica mundial, o livro chamou a atenção de figuras ilustres no mundo das artes e do cinema. A 20th Century Fox se encarregou de adaptar a obra literária para a telona. Com direção de Tim Burton e uma elenco fabuloso com Eva Green (no papel da Srta. Peregrine), Samuel L. Jackson, Ella Purnell, Chris O’Dowd, Allison Janney, Terence Stamp, Kim Dickens, Rupert Everett, Judi Dench e Asa Butterfiel (no papel do jovem Jacob), a franquia tem tudo para ser um grande sucesso! O filme está previsto para dezembro de 2016. 
A narrativa relata a história da vida de Jacob, um adolescente, descendente de judeus, que cresceu ouvindo histórias fantasiosas do seu avô Abe Portman sobre a sua infância em um orfanato, em uma ilha remota na costa do País de Gales. O tempo passou e o neto deixou de acreditar nas ‘bobagens’ que o velho contava. Triste por ter sido desacreditado por Jacob, Abe decide não falar mais sobre o assunto, uma decisão que mais tarde se mostrará muito complicada, chegando ao ponto de comprometer a própria vida do neto.

Com o tempo, os familiares passam a acreditar que Abe está sofrendo com delírios mentais pertinentes à alguma doença degenerativa da terceira idade, não lhe dando ouvidos, até que o dia Jacob recebe uma ligação de seu avô perguntando sobre a chave de seu armário de armas. Percebendo o desespero na voz do avô, Jacob resolve ir até ele, mas acaba encontrando o idoso, à beira da morte, com o corpo dilacerado por cortes terríveis, estirado no chão da mata. Antes de morrer, seu avô passou-lhe algumas instruções, aparentemente sem sentido, que falavam sobre buscar segurança em uma ilha, uma carta e uma ave. Enquanto segurava o avô nos braços, Jacob tem a sensação de ter visto um monstro, com tentáculos no lugar da boca. Interrogado por policiais e familiares, Jacob narra todo o acontecimento mas acaba sendo taxado de louco e encaminhado para um tratamento psiquiátrico.
Para tentar se recuperar e aceitar o fato de que tudo fora sua imaginação, Jacob decide viajar junto com seu pai para a ilha de Cairnholm e se depara com um pedaço de terra modesto e de poucos habitantes. No desespero, nosso protagonista percorre toda a ilha até se deparar com o palco das histórias que seu avô contava: as ruínas do antigo orfanato em que ele cresceu. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, percebe que as crianças que viveram no orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares: elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo… E, de algum modo, por mais impossível que pareça, ainda podem estar vivas.
Daí em diante, o mundo de Jacob nunca mais será o mesmo...
Mas não se enganem. O Orfanato da Srta Peregrine não é um livro de terror mas, uma deliciosa fantasia que, em algumas passagens lembra Harry Potter e outras séries juvenis que envolvem magia e misticismo. Os pequenos toques de suspense criados pelo autor deixam a narrativa bastante envolvente, afinal, quem não gosta de uma história com personagens peculiares e viagens no tempo? Sim! A história se passa no “presente” e no dia 3 de Setembro de 1940. Com personagens cativantes e vilões bem construídos, o livro dá origem a uma das sagas mais promissoras da literatura mundial de todos os tempos.
Uma leitura envolvente, instigante e fascinante.

Confira um trecho que selecionamos para vocês:
"Achei que estivesse sonhando. Queria responder, mas eu estava tão completamente congelado que parecia preso. […] Então uma lanterna surgiu viva lá em cima, e estiquei o pescoço para ver meia dúzia de garotos ajoelhados em volta das mandíbulas recortadas no chão quebrado, olhando para baixo.
De algum modo, eu os reconheci, mas não sabia de onde eles eram, como se fossem rostos de um sonho de que não nos lembramos direito. Onde será que eu os vira antes? E como eles sabiam o nome do meu avô?
Então eu entendi. As roupas deles eram estranhas mesmo para o País de Gales. Tinham rostos sérios e pálidos. Os retratos espalhados no chão ao meu redor olhavam para mim do mesmo modo que os garotos lá em cima. De repente eu compreendi.
Eu os vira nas fotografias.”

Sobre o Autor
Ransom Riggs, cineasta e escritor americano, nasceu em 1980, em uma fazenda no estado de Maryland, mas cresceu na Flórida. Estudou literatura Inglesa no Kenyon College e cinema na Universidade da Califórnia do Sul .

Seu trabalho em curtas-metragens para a Internet e blogs para Floss Mental arranjou-lhe um emprego como autor de The Sherlock Holmes Handbook, um pequeno livro lançado como parte da estratégia de promoção do filme Sherlock Holmes, em 2009.
Curioso e colecionador, ele reuniu uma série de fotografias antigas com a intenção de publicar um livro de imagens. Mas, por sugestão de um editor, Ransom acabou usando as fotografias como um guia a partir do qual para montou uma narrativa: O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails